A maior onda da imigração japonesa no Brasil ocorreu entre 1927 e 1934. Foi no bairro rural da Graminha, no oeste paulista, que o destino de seis famílias de imigrantes desse período se cruzaram. Arrancada da mata virgem pelos imigrantes japoneses, italianos, espanhóis, que, por sua vez, empregavam paulistas, mineiros e nordestinos em suas terras, a Graminha é um lugar de encontros e desencontros de pessoas, culturas e tempos. Seguindo o coti- diano de quatro gerações dessas famílias, no Brasil e no Japão, TOKIORI, em japonês Toki > tempo e Ori (de Oru) > dobrar, busca tornar visível suas identidades híbridas construídas ao longo do tempo. Terra natal e terra estrangeira se confundem nessa história marcada por constantes idas e vindas entre os dois países.

Loading more stuff…

Hmm…it looks like things are taking a while to load. Try again?

Loading videos…