Rio de Janeiro, verão de 1968. Meninos e meninas bronzeados na Praia do Arpoador. O mar perfeito, dia de pegar onda! Naquela época, surfista não tinha patrocinador ou qualquer tipo de apoio. Sonhavam que o Hawai podia ser aqui. Usavam parafina no cabelo, camisetas e pranchas importadas. Alienados da política, moral e bons costumes da época, iniciaram um movimento pela preservação dos mares e profissionalização do esporte. A ideologia era surfar a onda perfeita, não importa onde. Graças a esses pioneiros, o surf virou esporte profissional no país. Hoje, os meninos e meninas do Rio estão no topo do ranking mundial, surfando todas as ondas.

texto: Cris Pingarilho
imagens e web design: Alexandre Mac Mac
música:Música: Just my imagination (Running away with me)
Compositor: Barrett Strong
Vocal: Gwyneth Paltrow e Babyface

Loading more stuff…

Hmm…it looks like things are taking a while to load. Try again?

Loading videos…