Essa história não é de um fato raro. É parte da história de muitas mulheres. A violência sexual, a falta de amparo do Estado, a inegistência de garantia de direitos humanos básicos, a lei desrespeitada quando beneficia a mulher, a hipocrisia ... tudo acaba sobre os ombros da mulher violentada, que morre várias vezes no caminho.

Débora Diniz, com o apoio da Associação Brasileira de Antorpologia e da Fundação Ford, nos traz outro vídeo que nos exige refletir e agir. A história se passa no interior de Goiás, entre os anos de 1996 e 1998. Deuseli tinha 19 anos quando foi brutalmente estuprada. Impedida de realizar o aborto que a lei lhe garante, acaba desaparecendo da cidade onde vivia e 11 meses depois acaba sendo parte de outro crime, agora como assassina da filha. Ela morre meses depois, de causa desconhecida.

Loading more stuff…

Hmm…it looks like things are taking a while to load. Try again?

Loading videos…