As novas formas de organização familiar nos estratos urbanos médios (agora múltiplas, heterogêneas e voláteis) parecem não ter encontrado uma contrapartida factível no que se refere aos modos de se relacionar com os mais novos. Assediada por um sem-número de palavras de ordem extravagantes, a família contemporânea encontrará, não raras vezes, uma espécie de colapso ético materializado, por um lado, num acúmulo de intenções impraticáveis e, por outro, na abdicação paulatina do gesto educativo cotidiano. Com Julio Groppa Aquino.
Palestra do módulo Relações familiares no mundo contemporâneo: a educação dos filhos, de Rosely Sayão.

Gravada no dia 16 de abril de 2010 em Campinas.

Loading more stuff…

Hmm…it looks like things are taking a while to load. Try again?

Loading videos…