CIE ZEROGRAMMI / MATERIAIS DIVERSOS

Penthesila, dança solitária para uma heroína apaixonada, partir de Heinrich von Kleist, explora, em três línguas (português, italiano e alemão), a impossibilidade de encontro entre duas entidades culturais, assim como com os dois planos eternamente conflituais: o da razão e o da emoção, nomeadamente na figura da heroína que reúne diversas entidades, forças e contradições num mesmo corpo.

Em cena, soam as vozes de uma haute-lutte entre o belo e o terrível, a sociedade e os afectos. A filosofia mistura-se com a poesia que se mistura com a psicologia, num simulacro que é sobretudo a constatação de que os homens dificilmente conseguirão resolver a sua relação com a liberdade: “Each man kills the thing he loves” (Oscar Wilde).

Loading more stuff…

Hmm…it looks like things are taking a while to load. Try again?

Loading videos…