Participantes da Performance Irreprodutibilidade realizada na exposição A Arte Somos Nós no Espaço Nudoc na cidade de Cachoeira no dia 11 de março de 2014, explora a capacidade motora do corpo humano através da impossibilidade da repetição de um gesto: o de acender um palito de fósforo, da mesma forma por todas as pessoas. A performance/Instalação consiste em uma pilha de 100 caixas de fósforo arrumadas em forma de um cubo, em cima de uma mesa. O autor, então, repetirá o gesto de acender um palito de fósforo, utilizando apenas uma mão, sendo que a caixa é posicionada em pé no antebraço e, em um movimento rápido do giro da mão, antes da ação da gravidade sobre a caixa de fósforo, o palito é aceso, enquanto a caixa é recuperada pela outra mão.
A intenção da performance é mostrar que, através da prática, qualquer um pode acender uma caixa de fósforo, assim como, qualquer um pode produzir arte.

Loading more stuff…

Hmm…it looks like things are taking a while to load. Try again?

Loading videos…