Edição especial de comemoração do 12º aniversário da Companhia do Chapitô. Teatro da Trindade, 13 de Junho de 2008.

12 ANOS

Quando um grupo de pessoas se junta pela primeira vez, tudo faz crer que, durante algum tempo vão conviver intimamente, e então, a nossa primeira preocupação é fazer com que não se tornem num amontoado de gente.
A generalidade das pessoas acredita que só são eficientes se controlarem a situação, sobretudo num grupo. Interessante é, verificar, que quando perdemos esse controlo, somos obrigados a encontrar novas soluções, e assim evoluímos. Quando nos perguntam qual o nosso método, poder-se-ia dizer, que o nosso método é não ter método, ou seja tentar, tentar, e continuar a tentar. E assim, nasce uma companhia.
Muito falamos do teatro, e o teatro fala demasiado de si. Todos falamos da técnica, da dramaturgia, dos actores, das personagens, dos figurinos, dos efeitos, das luzes, dos cenários…
Com a facilidade com que criticamos, denunciamos, nos enunciamos, pegamos e abandonamos, torna-se mais difícil perceber o que representa uma obra.
Com todas estas dúvidas, e o público?

Comemoramos 12 anos de trabalho, com os que passaram, com os que cá estão e consigo!

Encenação:
John Mowat

Direcção de Cena:
José Carlos Garcia
Marta Pedroso

Elenco:
Iñaki Giovani
Jorge Cruz
José Carlos Garcia
Rui Rebelo

Convidados Especiais:
Ana Rita Teodoro
Gina Tocchetto
João Saboga
John Mowat
Letícia Liesenfeld
Mariana Chou
Marta Cerqueira
Tiago Viegas

Violino:
Fran Lasuen

Produção:
Tânia Melo Rodrigues
Patrícia Maio

Animação:
Ana Alves
Miriam Alves

Técnica:
Carlos Gonçalves
Jochen Pasternacki
Paulo Cunha

Coro:
Maestro Paulo Brandão
Coral Publia Hortência

Operação de Câmara
André Matos
Filipe Dâmaso Saraiva
Simão Anahory
Vasco Vieira

Montagem:
Filipe Dâmaso Saraiva
Jorge Cruz
Simão Anahory

Loading more stuff…

Hmm…it looks like things are taking a while to load. Try again?

Loading videos…