Percebemos com o tempo a distancia e um desconhecimento entre a aldeia krahô e Itacajá, a cidade mais próxima. Tadeu, cacique da aldeia Pé de Coco nos conta a história antiga de Itacajá, antes os krahô eram os donos da terra. Tivemos depois a ideia de fazer pequenos filmes que rompessem os estereótipos dos brancos, neste caso do indio que não trabalha, como se aprende até hoje nas escolas. Resolvemos projetar esses filmes na cidade de Itacajá. Conseguimos o apoio da Prefeitura e fizemos uma grande sessão com presença dos moradores brancos (cupen) e dos krahô (mehin). Uma experiência rica e bastante animada mostrou uma realidade indígena tão próxima mas ao mesmo tão distante.

Loading more stuff…

Hmm…it looks like things are taking a while to load. Try again?

Loading videos…