K+AFKA (versão final 2010/2013, 53m53s) nasceu de uma viagem minha a Praga, atravessando a Floresta Amazônica, onde nasci e vivo, no Brasil, o Oceano Atlântico e a Europa, para ir ao encontro de Franz Kafka - a presença mais amada através da distância - no Cemitério Judeu de Praga. A viagem foi longa, através do Céu e da Terra, como deve ser uma Peregrinação a um Lugar Sagrado.As imagens & montagem são de Vicente Franz Cecim. De Kafka são os desenhos e o manuscrito de Der Prozess. De Orson Welles a cena final de The Process. De Kodaly, a música. Os sinos são da Cetedral de Praga. A dupla direção - ao mesmo ainda de ida e já de regresso - da viagem de trem, se espelhando nos vidros da cabine, também mostram a minha vivência do ato de filmar, me inserindo dentro do filme. Alegre por estar indo, melancólico por ter que voltar. E sua longa duração foi o motivo de eu antecipar, na montagem, imagens de Praga antes da ansiada chegada. Nego a execução de K mostrada no filme de Welles contrapondo a ela a imagem de uma estátua de pedra libertando uma ave de pedra, que encontrei na praça, embaixo, ao descer do Castelo de Praga - onde Kafka morou, na Rua dos Alquimistas. Reverência à Leveza. (vFc)

Loading more stuff…

Hmm…it looks like things are taking a while to load. Try again?

Loading videos…