Os atores vivem em personagens.
Apropriam-se das suas identidades e nunca nos revelam o que caracteriza a sua. Nesta instalação, através de alguns exercícios, o ator teve liberdade para se expressar consoante a sua vontade. A edição ritmada, acelerada e dinâmica, em tempos e cores, serve de filtro a essa liberdade, para que o mistério permanecesse.

Quem são eles? É a pergunta que fica sem resposta.

Uma instalação de MARIANA MESQUITA e ANA RAFAELA GUIMARÃES

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA - PORTO

Loading more stuff…

Hmm…it looks like things are taking a while to load. Try again?

Loading videos…