1. A ECO/UFRJ recebeu a primeira aula do 2º Conexões Universidade na ECO/UFRJ. O evento começou com a exibição do primeiro episódio da Trilogia da Terra e, em seguida, aconteceu um debate com presença de José Batista, advogado da Comissão Pastoral da Terra (CPT) de Marabá, um dos articuladores nacionais da Rede Nacional dos Advogados Populares (Renap), além de compor a Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil. A mediação da mesa foi de Ivana Bentes, diretora da ECO/UFRJ. José Batista foi um dos entrevistados no primeiro episódio da Trilogia da Terra, que abre a quarta temporada do Conexões Urbanas no Multishow. O programa estreou no canal no último dia 14 de agosto*.

    Conexões Universidades faz parte da Plataforma Conexões Urbanas que engloba o Conexões Urbanas Shows e o programa de TV. O projeto acontece em universidades sob a forma de seminários e foi co-criado pela Escola de Comunicação da UFRJ e o AfroReggae com o objetivo de ampliar a discussão para além da televisão, compartilhar as informações com novos públicos, aprofundar as reflexões sobre os temas emergentes da sociedade contemporânea e ainda gerar integração social e convergência de intenções capazes de fundamentar e fomentar mudanças nos paradigmas atuais, integrando pensamentos de sustentabilidade, tecnologia, cidadania, saúde, paz e tolerância.

    Na UFRJ virou um Curso de Extensão e a primeira turma iniciou em abril de 2011. A experiência na UFRJ deu tão certo que o AfroReggae quer levar os seminários para universidades de todo o Brasil. A ideia é que, na semana de estreia de cada episódio desta temporada seja realizado ao menos um seminário.

    A programação do Conexões Universidades na UFRJ já está pronta e acontecerá no período de agosto a dezembro de 2011, toda quarta-feira, sempre de 11h as 13h. O Curso terá a participação de convidados, parceiros do AfroReggae e da ECO-UFRJ. A Coordenação Geral é de Ivana Bentes (ECO/UFRJ) e José Júnior.

    * O Conexões Urbanas estreou no dia 14 de agosto no Multishow. Apresentação e produção executiva: José Junior. Direção: Rafael Dragaud. Canal Multishow. Domingos, às 22h – Sempre um episódio inédito! Reprises: terças, às 7h e 16h; Quartas, às 13h30; Quintas, às 6h e sextas, às 14h30

    # vimeo.com/28006905 Uploaded 72 Plays 0 Comments
  2. No dia 24 de agosto de 2011, os alunos do Conexões Universidade na UFRJ conheceram o projeto de Cultivo de peixes em tanques-rede da Reserva de Desenvolvimento Sustentável Tupé (o evento teve apoio do Santander). A iniciativa é um dos temas abordados no terceiro e último capítulo da Trilogia da Terra, programas que abriram a quarta temporada do Conexões Urbanas*. Para falar sobre Tupé e debater com os alunos da Escola de Comunicação da UFRJ, estiveram presentes a gerente executiva de Responsabilidade Social do Santander, Andréa Regina dos Santos, e os colaboradores do AfroReggae Reginaldo Lima (assessor executivo do AfroReggae) e Gabriela Hermes (assessora de imprensa do Gcar).

    Conexões Universidades faz parte da Plataforma Conexões Urbanas que engloba o Conexões Urbanas Shows e o programa de TV. O projeto acontece em universidades sob a forma de seminários e foi co-criado pela Escola de Comunicação da UFRJ e o AfroReggae com o objetivo de ampliar a discussão para além da televisão, compartilhar as informações com novos públicos, aprofundar as reflexões sobre os temas emergentes da sociedade contemporânea e ainda gerar integração social e convergência de intenções capazes de fundamentar e fomentar mudanças nos paradigmas atuais, integrando pensamentos de sustentabilidade, tecnologia, cidadania, saúde, paz e tolerância.

    Na UFRJ virou um Curso de Extensão e a primeira turma começou abril de 2011 e se terminou em julho do mesmo. A experiência na UFRJ deu tão certo que o AfroReggae quer levar os seminários para universidades de todo o Brasil. A ideia é que, na semana de estreia de cada episódio desta temporada seja realizado ao menos um seminário.

    A programação do Conexões Universidades na UFRJ já está pronta e acontecerá no período de agosto a dezembro de 2011, toda quarta-feira, sempre de 11h as 13h. O Curso terá a participação de convidados, parceiros do AfroReggae e da ECO-UFRJ. A Coordenação Geral é de Ivana Bentes (ECO/UFRJ) e José Júnior.

    * O Conexões Urbanas estreou no dia 14 de agosto no Multishow. Apresentação e produção executiva: José Junior. Direção: Rafael Dragaud. Canal Multishow. Domingos, às 22h – Sempre um episódio inédito! Reprises: terças, às 7h e 16h; Quartas, às 13h30; Quintas, às 6h e sextas, às 14h30

    # vimeo.com/28303885 Uploaded 102 Plays 0 Comments
  3. O Conexões Universidade desta quarta-feira (31/08) no Auditório da ECO/UFRJ recebeu o deputado federal Marcelo Freixo, Claudio Piuma, ex-traficante e atualmente trabalhando em projetos do AfroReggae e também um dos cinegrafistas do Conexões Urbanas e do GCAR, Juscelino Vitorino, que também passou pelo tráfico. Os convidados da mesa, mediada pela professora Cristina Rego Monteiro, professora e doutora em Comunicação e diretora da CPM da ECO/UFRJ, debateram o tema Anistia para ex-presos, que irá ao ar no Conexões Urbanas no Multishow neste domingo (4/09) pelo Multishow, às 22h com apresentação e produção executiva de José Junior e direção de Rafael Dragaud.

    O Conexões Universidade é um projeto que acontece em universidades sob a forma de seminários e foi co-criado pela Escola de Comunicação da UFRJ e o AfroReggae com o objetivo de ampliar a discussão para além da televisão, compartilhar as informações com novos públicos, aprofundar as reflexões sobre os temas emergentes da sociedade contemporânea e ainda gerar integração social e convergência de intenções capazes de fundamentar e fomentar mudanças nos paradigmas atuais, integrando pensamentos de sustentabilidade, tecnologia, cidadania, saúde, paz e tolerância. Na UFRJ virou um Curso de Extensão e já acontece desde abril de 2011. A experiência na UFRJ deu tão certo que o AfroReggae quer levar os seminários para universidades de todo o Brasil. A ideia é que, na semana de estreia de cada episódio desta temporada seja realizado ao menos um seminário.

    Na UFRJ a segunda edição do Conexões Universidade acontece todas as quartas-feiras, de agosto a dezembro de 2011, sempre de 11h às 13h. O Curso terá a participação de convidados, e parceiros do AfroReggae, e da ECO-UFRJ. A Coordenação Geral é de Ivana Bentes (ECO/UFRJ) e de José Júnior (Coordenador executivo do Grupo Cultural AfroReggae).

    # vimeo.com/28955614 Uploaded 158 Plays 0 Comments
  4. No dia 26/09, o AfroReggae e o Governo do Estado do Rio de Janeiro/Secretaria de Trabalho e Renda (SETRAB) assinaram uma parceria no Palácio Guanabara num evento fechado. A iniciativa prevê através do projeto Empregabilidade do GCAR, a reintegração social de detentos e ex-detentos por meio de cursos profissionalizantes e trabalho formal que possibilite geração de renda, sustento e a reconquista da cidadania por esses indivíduos e também contribui para diminuir a reincidência, rompendo o ciclo da criminalidade. A cerimônia contou com a presença do governador Sérgio Cabral, de representantes do AfroReggae, do governo estadual, da SETRAB, policiais, ex-detentos, além de convidados e imprensa. A Orquestra AfroReggae abriu e encerrou o evento

    Confira como foi!

    # vimeo.com/29693882 Uploaded 432 Plays 0 Comments
  5. No dia 14 de setembro, o Conexões Universidade levou para a UFRJ o tema “Vigiar e Punir” num debate amplo e democrático sobre Escolas de Polícia e Mudança de Paradigma. Participaram da mesa três entrevistados do Conexões Urbanas Dossiê Reimão, exibido no Multishow no último domingo: inspetor Magalhães, a psicóloga e empresária Adriana Brito, e claro, o delegado Marcos Reimão, que acabou com o sequestro no Rio. A mediação da mesa foi de Ivana Bentes. Antes do debate, os alunos conferiram o episódio “Dossiê Reimão”.

    No episódio “Dossiê Reimão” José Junior conta um pouco da cultura urbana carioca dos anos 90 por meio de personagens como o delegado Marcos Reimão, que apesar de ter participado da chamada “chacina de Nova Brasília”, é considerado por muitos colegas como “o homem que acabou com o sequestro na cidade”. Reimão também foi um dos criadores da CORE (Coordenadoria de Recursos Especiais).

    O programa “Dossiê Reimão” mostra o trabalho da Divisão Anti-sequestro do Rio (DAS/RJ). O personagem título deste programa, Marcos Reimão, foi um dos responsáveis pela implementação da nova metodologia, empregada pela DAS/RJ, que ajudou a por fim nesta prática criminosa no estado. Antes da prática desta metodologia, o Rio de Janeiro já havia tido 80% dos empresários sequestrados, a maioria do ramo de alimentos e transportes urbanos. De 11 sequestros por mês, o estado passou a 17 sequestros ao ano. Todos foram resolvidos sem pagamento de resgate e com a prisão de 180 sequestradores durante o período de 1997 a 1999. Em São Paulo, na mesma época, as ocorrências haviam passado de 100 casos por mês para 300/mês.

    SOBRE OS CONVIDADOS DA MESA:

    Reimão: Delegado de policia, iniciou a carreira como guarda-vidas do bombeiros/RJ (1983/85), em 1985 ingressa na Policia Civil como detetive. Em 1994 torna-se Delegado através de concurso público, carreira meteórica em 1995 já era delegado de 1ª categoria promovido por bravura. No mesmo ano, assume a 1ª titularidade na Delegacia de Repressão a Entorpecentes. Após passagem pelo CISP (Centro de Inteligência de Segurança Publica) assume a Delegacia Anti-sequestro (DAS) em 1997 com o Estado do Rio de Janeiro mergulhado numa crise de sequestros. Após 2 anos, entrega a delegacia ao seu sucessor com o crime de sequestros totalmente debelado no RJ. Em abril de 1999, torna-se Sub-Secretário Operacional da SSP/RJ. No ano de 2001, funda a CORE (coordenadoria de recursos especiais), em 2008 volta para a DAS.

    Adriana Brito: Psicóloga, Empresária, mãe de 3 filhos, sequestrada ao sair de sua empresa. Ficou em cativeiro por três dias no morro do alemão. Antes da pacificação. Libertada por ação da DAS sem pagamento de resgate.

    Magalhães: Inspetor de policia, com formação superior em direito, tendo feito cursos de especialização na ITÁLIA e E.U.A. Trabalho com o Dr. Reimão desde 1995, na primeira titularidade do mesmo na DRE (delegacia de repressão a entorpecentes). Participou junto com o Dr. da elaboração e implementação da nova metodologia de combate ao crime de sequestro, tendo na ocasião zerado este crime no Rj e prendido 180 sequestradores em dois anos a frente da DAS, através das praticas de gestão e investigação desenvolvidas à época este crime foi banido do nosso estado.

    Conexões Universidades faz parte da Plataforma Conexões Urbanas que engloba o Conexões Urbanas Shows e o programa de TV. O projeto acontece em universidades sob a forma de seminários e foi co-criado pela Escola de Comunicação da UFRJ e o AfroReggae com o objetivo de ampliar a discussão para além da televisão, compartilhar as informações com novos públicos, aprofundar as reflexões sobre os temas emergentes da sociedade contemporânea e ainda gerar integração social e convergência de intenções capazes de fundamentar e fomentar mudanças nos paradigmas atuais, integrando pensamentos de sustentabilidade, tecnologia, cidadania, saúde, paz e tolerância.

    Na UFRJ virou um Curso de Extensão e a primeira turma começou abril de 2011 e se terminou em julho do mesmo. A experiência na UFRJ deu tão certo que o AfroReggae quer levar os seminários para universidades e outros locais de todo o Brasil. A Coordenação Geral é de Ivana Bentes (ECO/UFRJ) e José Júnior.

    # vimeo.com/29620109 Uploaded 841 Plays 0 Comments

Conexões Universidade

Grupo Cultural AfroReggae Plus

Browse This Channel

Shout Box

Heads up: the shoutbox will be retiring soon. It’s tired of working, and can’t wait to relax. You can still send a message to the channel owner, though!

Channels are a simple, beautiful way to showcase and watch videos. Browse more Channels.