Eyes on the prize

  1. Awakenings (1954-1956)

    Individual acts of courage inspire black Southerners to fight for their rights: Mose Wright testifies against the white men who murdered young Emmett Till, and Rosa Parks refuses to give up her bus seat to a white man in Montgomery, Alabama.

    # vimeo.com/42241740 Uploaded 37.9K Plays 1 Comment
  2. FIGHTING BACK (1957-1962) - States' rights loyalists and federal authorities collide in the 1957 battle to integrate Little Rock's Central High School, and again in James Meredith's 1962 challenge to segregation at the University of Mississippi. Both times, a Southern governor squares off with a U.S. president, violence erupts - and integration is carried out.

    CONTRA-ATACANDO (1957-1962) - No final dos anos 1950, a batalha pelos direitos civis foi travada nas escolas do sul dos Estados Unidos. A Suprema Corte havia decidido (em Brown x Conselho de Educação) que as escolas segregadas eram inconstitucionais sob a 14ª emenda. Muitos sulistas viram essa decisão como um ataque a suas heranças e tradições. Seis anos após a decisão da Suprema Corte, a segregação continuava a predominar no sul dos Estados Unidos.

    Em 1956, uma mulher negra chamada Autherine Lucy foi admitida discretamente na Universidade do Alabama, freqüentada apenas por brancos. Mas na noite em que ela chegou, estudantes e moradores da cidade iniciaram um motim. A universidade suspendeu Lucy temporariamente, alegando fazê-lo para a proteção dela. Apesar de vitoriosa no processo em que moveu para poder estudar, Autherine Lucy foi expulsa da Universidade. Em todo o sul, o caso Lucy deu esperança aos segregacionistas. Parecia-lhes que, caso estivessem dispostos a usar a violência para enfrentar a lei, eles conseguiriam manter as crianças negras nas escolas negras.

    Um ano depois a comunidade negra encontraria sua chance de contra-atacar, em Little Rock, uma cidade moderada do estado de Arkansas. A diretoria da escola Central High planejou uma lenta dessegregação. Em 1957, nove adolescentes negros iriam freqüentar a escola, selecionados por suas excelentes notas. Mas na véspera da abertura da escola, o governador decidiu cercá-la com a Guarda Nacional do estado, com ordens de admitir apenas os alunos brancos e impedir a entrada dos alunos negros. Estabeleceu-se um violento conflito opondo as forças leais ao governador às autoridades federais. Ao final do confronto, a integração foi realizada.

    Em 1961 um homem negro chamado James Meredith ingressou com ação para admissão na Universidade do Mississippi, desafiando a segregação naquela universidade. Após a erupção da violência e a intervenção do poder federal, Meredith conseguiu se matricular e freqüentar a universidade. Milhares de negros sentiram esta vitória e enxergaram em James Meredith um exemplo a ser seguido, um símbolo, como os Nove de Little Rock, de seu próprio poder para mover a nação.

    # vimeo.com/42637018 Uploaded 2,543 Plays 0 Comments
  3. AIN'T SCARED OF YOUR JAILS (1960-1961) - Black college students take a leadership role in the civil rights movement as lunch counter sit-ins spread across the South. “Freedom Riders” also try to desegregate interstate buses, but they are brutally attacked as they travel.

    NÃO TEMOS MEDO DE SUAS PRISÕES (1960-1961) - Estudantes universitários negros assumem um papel de liderança no movimento dos direitos civis quando as manifestações pacíficas nas lanchonetes se espalharam por todo o sul. Em Greensboro, Carolina do Norte, quatro estudantes universitários negros sentaram-se em uma lanchonete reservada para os brancos e se recusaram a sair. Como a difusão das manifestações pacíficas, eles ameaçaram a ordem estabelecida em várias cidades do sul.

    Na cidade de Nashville, os cinemas, os hotéis e os ônibus urbanos eram segregados. Os negros gastavam dinheiro em lojas do centro da cidade, mas eram impedidos de freqüentarem seus refeitórios. A primeira meta do plano para enfrentar a segregação seriam as lanchonetes do centro da cidade. John Lewis, Angela Butler, e Diane Nash levaram os estudantes para a primeira manifestação pacífica em Nashville, que continuou sem incidentes por quase duas semanas. Em 27 de fevereiro, gangues de arruaceiros reuniram-se no centro da cidade e agrediram os manifestantes. Treinados em não-violência, os estudantes se recusaram a lutar. A polícia não fez nada para protegê-los. Mais de 80 manifestantes foram presos e acusados de conduta desordeira.

    Em dois meses as manifestações pacíficas se espalharam para 69 cidades e 2000 pessoas haviam sido presas. Para apoiar o movimento, um boicote nacional foi organizado: cadeias de lojas que discriminavam no sul do país, foram também alvo de protestos no norte. Em meio a uma manifestação, Diane Nash interpelou publicamente o prefeito de Nashville, Ben West , que se colocou contra a discriminação racial dos negros nas lanchonetes da cidade. Três semanas depois, clientes negros foram servidos pela primeira vez nas lanchonetes das lojas do centro.

    Em 1961, os negros eram ainda obrigados a andar na parte de trás dos ônibus em viagens interestaduais e eram impedidos de freqüentarem as salas de espera reservadas aos brancos. O Congresso da Igualdade Racial (CORE) passou a pressionar o presidente Kennedy para que cumprisse a decisão da Suprema Corte de banir as viagens interestaduais segregadas, por meio de uma tática intitulada Freedom Riders (Passageiros da Liberdade), grupos inter-raciais circulando em ônibus pelo sul do pais. Os brancos do grupo sentavam-se na parte de trás do ônibus, os negros se sentavam na frente e se recusava a se mover quando requisitados. Em cada parada para descanso, os brancos iam para a sala de espera destinada aos negros e os negros na sala de espera exclusiva dos brancos, recusando-se a sair.

    Os Freedom Riders foram brutalmente atacados enquanto viajavam. Depois da primeira prisão em 24 de maio de 1961, eles continuaram a afluir a Jackson, e ao final do verão, 300 tinham sido presos e condenados.

    Naquele mesmo verão, o advogado geral Robert Kennedy pediu a Comissão de Comércio Interestadual que emitisse regulamentos que proibissem a segregação em viagens interestaduais. Os estudantes haviam conquistado sua vitória, e eles se tornaram uma grande força na América do movimento dos direitos civis.

    # vimeo.com/43084767 Uploaded 4,226 Plays 0 Comments
  4. NO EASY WALK (1961-1963)

    The civil rights movement discovers the power of mass demonstrations as the Rev. Martin Luther King, Jr. emerges as its most visible leader. Some demonstrations succeed; others fail. But the triumphant March on Washington, D. C., under King's leadership, shows a mounting national support for civil rights. President John F. Kennedy proposes the Civil Rights Act.

    DIFÍCIL CAMINHADA (1961-1963)

    O movimento dos direitos civis descobre o poder das manifestações de massa na medida em que o reverendo Martin Luther King, Jr. surge como seu líder mais visível. Algumas demonstrações são bem sucedidas, outras não. Mas o triunfo da Marcha sobre Washington, sobre a liderança de Martin Luther King Jr., revela o aumento do apoio nacional aos direitos civis. O presidente John F. Kennedy propõe a Lei dos Direitos Civis.

    # vimeo.com/43462957 Uploaded 61.7K Plays 0 Comments
  5. MISSISSIPPI, IS THIS AMERICA? (1962-1964)
    Mississippi's grass-roots civil rights movement becomes an American concern when college students travel south to help register black voters and three of them are murdered. The Mississippi Freedom Democratic Party challenges the regular Mississippi delegation at the Democratic Convention in Atlantic City.

    MISSISSIPPI, É ISSO A AMÉRICA? (1962-1964)
    A base de Mississippi do movimento dos direitos civis se torna uma preocupação americana, quando os estudantes universitários viajam para o sul para ajudar a registrar eleitores negros e três deles são assassinados. O Partido da Liberdade Democratica do Mississippi desafia a delegação regular daquele estado na Convenção do Partido Democrata em Atlantic City.

    # vimeo.com/43996007 Uploaded 9,580 Plays 0 Comments

Eyes on the prize

Alexandre Kishimoto

Browse This Channel

Shout Box

Heads up: the shoutbox will be retiring soon. It’s tired of working, and can’t wait to relax. You can still send a message to the channel owner, though!

Channels are a simple, beautiful way to showcase and watch videos. Browse more Channels.