1. ¨ Então neste momento que o mundo vai mal, também tem um movimento novo, de coisas novas que vão acontecendo. E eu acho que o movimento de Teatro de Rua, faz parte desta novidade. Da possibilidade de um aceno para um futuro diferente que este presente quer nos oferecer. Este presente nos propõe um futuro de cartas marcadas. Mas se nós estamos trabalhando na rua, certamente estamos sonhando um outro futuro. Um futuro onde esta possibilidade pública, generosa, realmente democrática, possa existir e onde a produção cultural - que é o melhor que o ser humano pode fazer - não seja transformado em um produto de mercado. Que eu não precise estraçalhar a minha alma para vender um pedaço dela aqui, outro ali. Eu acho que o teatro de rua tem esta característica pública e é um anúncio, de possibilidade de modificação no mundo.¨ Amir Haddad

    Imagens e montagem Rafael Falanga
    Produção Romina Ficca

    # vimeo.com/88188537 Uploaded 110 Plays 0 Comments
  2. Em uma viagem de barco pela América Latina, Cinema Zungu registra a amazônia do Suriname, Guiana Francesa, Brasil e Peru, estabelecendo nosso primeiro contato com outras tribos.

    Narração livremente inspirada no conto Walimai, da escritora chilena Isabel Allende.

    Imagens e montagem Rafael Falanga
    Produção Romina Ficca

    # vimeo.com/93758807 Uploaded 660 Plays 0 Comments
  3. Se a definição de onde nasceu o samba no Brasil alimenta há anos discussões acaloradas entre baianos e cariocas, é mais lícito reconhecer que as origens do samba estão relacionadas diretamente aos batuques e manifestações rurais. E por onde passaram os africanos e seus descendentes é possível aferir a presença do ritmo dos tambores nas festas populares do interior do país.
    Maria Esther rememora que ia ver o samba escondida de seu pai e acabava "ganhando uma surrinha". O pai batia, mas ela não desistia. Pulava a janela escondida e ia ao barracão. Ela revela que ganhou a confiança dos batuqueiros porque um dia seu pai a flagrou no barracão e a tirou de lá à força, sob punho pesado. "Ele me bateu muito. Batia em qualquer lugar. Minha mãe teve que me dar banho de sal pra melhorar. Aí os negros ficaram com dó de mim e me deixavam entrar no samba."

    Imagens e montagem Rafael Falanga
    Produção Romina FIcca

    # vimeo.com/94756176 Uploaded 375 Plays 0 Comments
  4. # vimeo.com/84368834 Uploaded 254 Plays 0 Comments
  5. Coleção • Zungu • Nômade • Presents

    VOL 1 • FROM A SERIE OF 6 SHORT MOVIES ABOUT THE GUINAOUA MUSIC

    # vimeo.com/71174885 Uploaded 31 Plays 0 Comments

Coleção Postales

Rafael Falanga

Browse This Channel

Shout Box

Heads up: the shoutbox will be retiring soon. It’s tired of working, and can’t wait to relax. You can still send a message to the channel owner, though!

Channels are a simple, beautiful way to showcase and watch videos. Browse more Channels.