1. Trabalho Acadêmico, referente a máteria de Hipertexto.

    # vimeo.com/62628770 Uploaded 124 Plays / / 0 Comments Watch in Couch Mode
  2. Oficina realizada pelo Grupo Maracatu Bloco de Pedra, no dia 1° de Abril de 2012, voltada para o naipe dos Agbês, com o Pitoco, batuqueiro da Nação Estrela Brilhante de Recife e do Afoxé Ylê de Egbá. ((Tendal da Lapa - São Paulo - SP))

    # vimeo.com/40107041 Uploaded 43 Plays / / 0 Comments Watch in Couch Mode
  3. São consideradas religiões afro-brasileiras, todas as religiões que tiveram origem nas Religiões tradicionais africanas, que foram trazidas para o Brasil pelos negros africanos, na condição de escravos ou religiões que absorveram ou adotaram costumes e rituais africanos.
    Neste vídeo o sacerdote “Pai Julio d Odé Ekedje” conta em linhas gerais a história do Candomblé, sua origem, seus símbolos, suas lendas e suas tradições. Para uma melhor ilustração, o culto do Candomblé é explicado através de imagens da Festa de 21 anos de iniciado do Pai Silvio do Candomblé Ilê Axé Xangô, um dos principais sacerdotes do candomblé do município de Rio Claro.

    # vimeo.com/31432707 Uploaded 441 Plays / / 0 Comments Watch in Couch Mode
  4. Na série "Religiões", a TViG apresenta os principais preceitos das religiões que contam com o maior número de fiéis em todo o mundo.Neste episódio, conheça o Candomblé e a Santeria.

    Roteiro: Gui Stockler
    Coordenação de produção: César Leme
    Coordenação: Marco Guerreiro
    Editora Executiva: Andreza Aguiar

    # vimeo.com/44813305 Uploaded 65 Plays / / 0 Comments Watch in Couch Mode
  5. Direção: Clarice Ehlers Peixoto, 65 min, 2009

    Gisèle Cossard Omindarewa, 86 anos, é francesa e mãe de santo no candomblé do Rio de Janeiro. Oriunda da burguesia parisiense, ela vive há muitos anos na Baixada Fluminense. O filme procura reconstituir a sua trajetória através das lembranças de sua infância e juventude, de sua participação na resistência francesa ao lado do pai, de sua vida africana como mulher de diplomata, de sua iniciação no candomblé nos anos 1960 e, principalmente, da sua atuação como mãe de santo no terreiro de Santa Cruz da Serra. São momentos de sua história individual que se cruzam com a vida coletiva e religiosa.

    Prêmios:

    Melhor documentário no III Festival de Filme Etnográfico do Recife (2011).
    Melhor edição no BAFF-Bahia Afro Film Festival (2011).
    Convidado a participar do 13° Festival de Cinema Brasileiro em Paris (2011).

    # vimeo.com/59192785 Uploaded 5,573 Plays / / 1 Comment Watch in Couch Mode

santeria- lucumi- candomble

seyi adebanjo Plus

Browse This Channel

Shout Box

Channels are a simple, beautiful way to showcase and watch videos. Browse more Channels. Channels